Poli Saúde Laboratório Policlínica
NOTÍCIA

11/10/2011
Poli Saúde desenvolve projeto com escolas

Clique para ampliar
CMEI União, bairro São Roque


A equipe da Poli Saúde realizou, nos dias 4, 5 e 6 de outubro, atividades do projeto “Poli Saúde com a Comunidade” nos centros municipais de educação infantil Alvorada, Vila Verde e União. A enfermeira Silvia Gil ensinou às crianças a importância de lavar as mãos de forma correta, para evitar doenças e garantir melhor qualidade de vida. Além da palestra sobre a maneira certa de lavar as mãos, as crianças participaram de atividades lúdicas e ganharam lanche caprichado com deliciosos cachorros-quentes. As datas das atividades foram escolhidas para celebrar o Dia Mundial da Lavagem de Mãos (comemorado pela Unicef em 5 de outubro).
De acordo com a enfermeira Silvia, idealizadora do projeto, o objetivo é conscientizar as crianças sobre a maneira correta de lavar as mãos e fazer disso um hábito. “A intenção é que elas usem isso no dia-a-dia e levem o conhecimento para seus pais, irmãos e parentes, tornando-se multiplicadoras”, esclarece Silvia. A enfermeira destaca que o simples ato de lavar bem as mãos evita desde doenças respiratórias até gastrointestinais.

O projeto - O Centro Municipal de Educação Infantil Alvorada foi o primeiro a receber a visita dos profissionais da Poli Saúde, no dia 4 de outubro, atendendo 28 alunos. No dia seguinte, foi a vez de 30 alunos do Jardim III A e Jardim III B do Centro Municipal de Educação Infantil Vila Verde receberem a palestra e participarem das brincadeiras. As atividades terminaram no dia 6 de outubro, com 23 alunos da pré-escola do Centro Municipal de Educação Infantil União, no bairro São Roque.
A equipe da Poli Saúde que desenvolveu o projeto contou com as colaboradoras Luciana Casiraghi, Tânia Brum, Danielle Pizato, Danielli Jochem e Luana Bozi, além da enfermeira Silvia Gil.

A importância do hábito - O simples gesto de se lavar as mãos pode salvar a vida de um milhão de crianças por ano no mundo, segundo a Unicef, que alerta: “a cada dia no mundo, 5 mil crianças de menos de cinco anos morrem de doenças diarréicas. A metade destas mortes pode ser evitada se as crianças desenvolverem o hábito de se lavar as mãos com sabão”.