Poli Saúde Laboratório Policlínica
NOTÍCIA

27/01/2016
Policlínica recebe certificado do projeto Segurança em Alta

O Instituto Policlínica Pato Branco recebeu, no dia 25 de janeiro, o certificado de conclusão do projeto Segurança em Alta. Emitida pela Unimed Federação do Paraná, 
Unimed Pato Branco, Fundação Unimed e IAG Saúde (instituto de consultoria), a certificação foi entregue em solenidade no auditório da Unimed PB. O diretor presidente do Instituto Policlínica PB, Sadao Yamamoto, e integrantes da Comissão da Qualidade do hospital receberam o documento entregue pela diretoria da cooperativa médica. 

A entrega do certificado representa a conclusão de um projeto que começou em 12 de fevereiro de 2014 e teve a última reunião de trabalho em julho de 2015. No dia 29 de setembro passado, aconteceu ainda a terceira e última etapa do projeto, com a visita de consultora do Instituto de Acreditação e Gestão em Saúde (IAG Saúde), de Belo Horizonte (MG), contratado pela Unimed para a execução do projeto.

O projeto, desenvolvido em parceria pela Unimed Pato Branco e Instituto Policlínica Pato Branco, teve como principal objetivo melhorar o nível de segurança dos processos de atendimento aos pacientes internados no hospital, utilizando a educação continuada para agregar qualidade aos serviços. O presidente da Unimed Pato Branco, Edson Fressato, ressalta que o projeto foi desenvolvido pensando na comunidade e nos beneficiários da cooperativa. "A melhoria da segurança dos processos foi a nossa meta. O atendimento da Policlínica Pato Branco, que já era bom, ficou ainda melhor", salienta Fressato.

Já o presidente do Instituto Policlínica PB, Sadao Yamamoto, destaca a motivação das equipes durante a execução do projeto e lembrou que o hospital, desde sua fundação, há 50 anos, sempre procurou a excelência na qualidade dos serviços. "A busca pela melhoria da gestão, dos serviços, da capacitação profissional, sempre fez parte de nossa história. O projeto Segurança em Alta é mais uma etapa desta trajetória e resultará em mais segurança em todos os aspectos: na saúde dos pacientes e na segurança do trabalho de médicos e equipes da Policlínica", afirma Yamamoto.

A administradora da Policlínica Pato Branco, Gabriela Izidro, também presidente da Comissão da Qualidade do hospital, considera que o projeto Segurança em Alta está transformando vários setores, como a própria comissão que preside. "Estamos repensando o formato da Comissão da Qualidade para 2016, reflexo das consultorias recebidas durante os 18 meses de duração do Segurança em Alta", acrescenta Gabriela.

O projeto
Denominado Segurança em Alta, o projeto-piloto da Unimed Pato Branco contou com a Policlínica Pato Branco como parceira. Foram realizados 30 encontros de consultoria e geradas 436 ações - 295 foram concluídas, 134 estão em andamento e outras sete estão planejadas. Todas as ações foram desenvolvidas a partir de diagnóstico realizado pelo IAG Saúde. Os resultados foram tão positivos que outras Unimeds paranaenses estão interessadas em implantá-lo.

No relatório final, entregue pela diretoria da Unimed Pato Branco aos representantes do Instituto Policlínica Pato Branco, o hospital recebeu destaques em Segurança, Infraestrutura e Processos (85% dos pontos possíveis), Atendimento - Requisitos Legais (90%) e Nível de Conforto (100%).